Caminhoneiros passam fome nas estradas e dizem não ter onde se alimentar – RÁDIO DE TUDO UM POUCO

Caminhoneiros passam fome nas estradas e dizem não ter onde se alimentar

Com tudo fechado e quase todos os serviços públicos suspensos, caminhoneiros do Brasil, tão essenciais para manter o abastecimento no país, relatam que estão passando fome nas estradas e não conseguem encontrar lugares abertos para tomarem banho e se alimentarem.

O relato parte de motoristas paranaenses que carregam entre Santa Catarina, Paraná e São Paulo. Os três estados decretaram o fechamento de restaurantes e atendimento apenas por serviço de delivery, num esforço para conter a pandemia.

Diferente de outros países, que montaram hospitais de campanha e refeitórios para motoristas ao longo das rodovias, no Brasil os caminhoneiros foram deixados à própria sorte, embora o governo tenha feito apelos para que eles continuem trabalhando.

Sem nenhuma estrutura, os motoristas consideram a opção de retornarem para casa, pela falta de informação e pelos riscos que correm expostos ao coronavírus. “Não temos acesso a posto de saúde, e em algumas cidades nem podemos entrar”, desabafa André Porcat, caminhoneiro que está parado na BR-101 em Araquari (SC).

“É nos que vamos levar comida e remédios para todo mundo . Vocês acham que o Brasil aguenta quanto tempo se nós pararmos? Na greve de 2018 paramos 11 dias e todos viram o que aconteceu”, continuou o desabafo.

(Didiadidia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *