Escolas Municipais ficam acima da meta do IDEB em Ibaté

As escolas da rede municipal de Ibaté alcançaram níveis muito satisfatórios no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2017, pesquisa que mede a qualidade de ensino na educação fundamental e médio de todo o país.

O trabalho de todos os envolvidos na educação municipal, sendo eles, Assessor de Educação, técnicos do departamento de educação, diretores de escolas, coordenadores pedagógicos, professores, funcionários, o envolvimento dos alunos e o trabalho em conjunto com os pais foram os motivos dados  para a boa colocação nos índices.

Em 2015, última avaliação, o município tinha como meta projetada 5.9 e obteve 6.2. Já em 2017, a meta projetada era 6.2 e o município alcançou a nota 6.8.

A Assessora de Educação, Fátima Heck Vaz, exalta o orgulho da equipe de ensino ao ver os índices alcançados em todas as escolas municipais. “O resultado é de todos, de todos os segmentos, inclusive começando lá na escola pela equipe gestora e os professores. E também passando pelo Departamento de Educação e acompanhamento da coordenação pedagógica, através das orientações técnicas realizadas em reuniões periódicas com o núcleo pedagógico”, disse.

Com os números, as metas para o Ideb foram superadas para o período, mas o município tem grandes desafios. “Ficamos contentes em superar a meta do Ideb, mas queremos continuar melhorando cada vez mais a educação em nosso município, dando todo suporte aos profissionais da área e condições de estudo aos alunos. Nosso objetivo é melhorar cada vez mais”, observou o prefeito José Luiz Parrella (PSDB). “Esperamos que a educação do município de Ibaté supere todas as expectativas!”, completou.

Vale lembrar que nas administrações do prefeito Zé Parrella, aumentou-se o numero de escolas municipais, tendo atualmente 11 no total, todas as unidades de ensino recebem manutenções periódicas e os alunos ganham uniformes e tem condições para estudar, sem contar ainda a merenda, que é referencia regional e é até mesmo servida durante o recesso no meio do ano e nas férias de verão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *