Unidades de saúde de Ibaté estarão abertas para vacinação de poliomielite e sarampo

Neste sábado (18), acontece o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e Paralisia Infantil. Em Ibaté, todas as unidades de saúde estarão abertas para que os pais possam levar as crianças para imunização e também atualização da carteira.
As unidades de saúde de Ibaté estarão abertas das 8h às 17h para que os pais que trabalham durante a semana possam levar os seus filhos, com idade entre 1 ano e menores de 5 anos, para se imunizarem.
Os pais podem procurar uma das unidades mais próxima de sua casa, como: os Programas Saúde da Família (PSF’s) dos Jardins Icaraí, Mariana, Esfer e Popular, e nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) do Santa Terezinha e Cruzado.
A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e Paralisia Infantil teve início no último dia 4 de agosto e segue até o dia 31 de agosto. A meta é atingir 95% das crianças da cidade.
Segundo balanço da Vigilância Epidemiológica da cidade, já foram imunizadas contra a poliomielite 475 crianças, entre seis meses e cinco anos incompletos, correspondendo 24,87%.
Já com relação à vacina contra o sarampo, já foram dadas 450 doses para crianças de um ano a quatro anos, 11 meses e 29 dias, atingindo 24,94% de cobertura. A estimativa da Secretaria de Saúde é de que haja mais de 1847 crianças em Ibaté nessa faixa etária.
A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e Paralisia Infantil vai até o dia 28 e os pais devem levar as crianças a qualquer posto de saúde mais próximo de sua casa com a carteirinha de vacinação da criança em mãos. “Os pais podem levar as crianças durante a semana, porém quem não tem tempo porque trabalha, por aproveitar o Dia D, onde as unidades de saúde dos bairros estarão abertas para atender a população”, destacou o prefeito José Luiz Parrella (PSDB).
O prefeito lembra que quem quiser levar as crianças para atualizar a Carteira de Vacinação também pode. “Caso algum pai tenha dúvida se a criança tomou ou não alguma vacina, basta estar com a Carteira de Vacinação em mãos que os atendentes irão verificar se a criança não tomou todas as vacinas necessário, podendo assim realizar a atualização”, apontou Zé Parrella.

Sarampo

A doença infecciosa aguda, de natureza viral, grave, é transmitida pela fala, tosse e o espirro, e extremamente contagiosa, mas pode ser prevenida pela vacina. Pode ser contraída por pessoas de qualquer idade. As complicações infecciosas contribuem para a gravidade do quadro, particularmente em crianças desnutridas e menores de 1 ano. Em algumas partes do mundo, a doença é uma das principais causas de morbimortalidade entre crianças menores de 5 anos.
Em 2016, o Brasil recebeu da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) o certificado de eliminação da circulação do vírus. Atualmente, entretanto, o país enfrenta surtos de sarampo em Roraima e no Amazonas, além de casos já identificados em São Paulo, no Rio Grande do Sul, em Rondônia e no Rio de Janeiro.

Pólio

Causada por um vírus que vive no intestino, o poliovírus, a poliomielite geralmente atinge crianças com menos de 4 anos de idade, mas também pode contaminar adultos. A maior parte das infecções apresenta poucos sintomas, e há semelhanças com infecções respiratórias – como febre e dor de garganta – e gastrointestinais – como náusea, vômito e prisão de ventre.
Cerca de 1% dos infectados pelo vírus desenvolve a forma paralítica da doença, que pode causar sequelas permanentes, insuficiência respiratória e, em alguns casos, levar à morte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *