Casal de turistas entra em comunidade por engano e suíço é baleado no Rio

Um turista suíço de 23 anos foi baleado ontem à noite depois de entrar com o carro por engano em uma comunidade do Rio de Janeiro. Acompanhado da namorada, ele fugiu, foi baleado no ombro, bateu o carro e foi socorrido pela polícia. O 16º Batalhão da Polícia Militar faz hoje uma operação para tentar encontrar os suspeitos do crime.

Segundo a PM, Ângelo Galli guiava um veículo em direção à rodovia Washington Luís quando, por engano, entrou em uma comunidade na Cidade Alta, na zona norte da cidade.

Ao se deparar com um assalto, o turista tentou fugir, mas acabou baleado no ombro, enquanto sua namorada, Rigazzoni Pia, foi atingida por estilhaços.

O rapaz conseguiu fugir em seu Renaut Captur com placa de Minas Gerais, mas acabou batendo o carro na mureta da companhia de gás White Martins. Uma viatura da UPP Vila Cruzeiro passava pela avenida Brasil quando foi abordada pelos turistas, que pediam socorro.

O casal foi socorrido pelos agentes, que levaram os feridos para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha. Ainda segundo a PM, a mulher recebeu alta, mas o rapaz continua internado em condições estáveis de saúde.

Enquanto o caso será investigado pela Polícia Civil do 38º DP, em Vista Alegre, o 16º Batalhão da Polícia Militar iniciou hoje uma operação na comunidade da Cidade Alta para tentar encontrar os suspeitos.

(UOL)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *