Corinthians empata e é eliminado por Del Valle na Sul-Americana

Timão foi apático no 2º tempo e ficou no 2 a 2 contra equatorianos: 4 a 2 no placar agregado. Atlético-MG e Colón brigam por vaga na final do torneio

A torcida do Corinthians  bem que estava confiante na classificação. Faltou um pouco mais dessa confiança aos jogadores na noite de ontem, quarta-feira (25), no empate contra o Independiente del Valle por 2 a 2, no Equador. Com o resultado agregado (4 a 2), o Timão acabou eliminado na semifinal da Copa Sul-Americana.

O Corinthians havia se complicado com o péssimo resultado em Itaquera. Apático, o time foi facilmente batido por 2 a 0 no jogo de ida e precisava no mínimo devolver o resultado para levar a decisão para os pênaltis. Na segunda etapa, faltou um pouco mais de futebol bem jogado ao time de Fábio Carille. Quando acordou, já era tarde.PUBLICIDADE

O Del Valle agora enfrentará quem passar de Atlético MG e Colón-ARG, que se enfrentam nesta quinta, no Mineirão  — o Galo perdeu o primeiro jogo por 2 a 1. A final em jogo único acontece em 9 de novembro, em Assunção, no Paraguai.

As esperanças corintianas para reverter o placar aumentaram ainda mais logo aos 28 minutos. Depois de rápido contra-ataque puxado por Pedrinho, a bola foi para Vagner Love, que cruzou na medida para Boselli só empurrar para as redes. Como todo time que precisa do resultado, os jogadores buscaram a bola dentro do gol e correram para o meio-campo. Não teve muito mais que isso.

O que deveria ser motivo de empolgação para o segundo tempo incrivelmente se transformou em nova apatia. O Timão se mostrou tranquilo, até demais para uma partida eliminatória, e foi dando campo para os donos da casa. Aos 22 minutos, Jhon Sánchez aproveitou o espaço no lado esquerdo, passou por Manoel e tocou na saída de Cássio, que já havia feito pelo menos uma boa defesa.

Já nos momentos finais, Danilo Avelar foi derrubado na área e, após longa consulta ao VAR, o árbitro apitou a penalidade. Na cobrança, Clayson marcou aos 41 minutos. Três minutos depois, foi a vez de Cabeza acabar de vez com as esperanças corintianas de conquistar um título inédito.

De volta ao Campeonato Brasileiro, o Corinthians enfrenta o Vasco, no domingo (29), às 11 horas, no Itaquerão, pela 22ª rodada.

INDEPENDIENTE DEL VALLE 2 x 2 CORINTHIANS

Estádio: Olímpico Atahualpa, em Quito, no Equador
Data-hora: 25 de setembro de 2019, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Piero Maza (CHI)
Assistentes: Alejandro Molina (CHI) e Claudio Urrutia (CHI)
Árbitro de vídeo: Diego Haro (PER)
Cartões amarelos: Mera, Franco (DEL); Sornoza, Clayson (COR)

GOL: Boselli 28’/1ºT, (0-1), Jhon Sánchez 22’/2ºT (1-1), Pedrinho 40’/2ºT (1-2), Cabeza 44’/2ºT (2-2)

INDEPENDIENTE DEL VALLE: Jorge Pinos; Landázuri, Ricardo Schunke e Preciado (León, 19’/2ºT); Alan Franco, Cristian Pellerano; Cristian Dájome, Efrén Mera (48’/2ºT) e Jhon Sánchez (Cabeza, 42’/2ºT); Gabriel Torres. Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Ralf (Júnior Urso, 42’/2ºT), Ramiro (Clayson 16’/2ºT), Pedrinho e Sornoza; Vagner Love e Boselli (Gustavo, 33’/2ºT). Técnico: Fabio Carille 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *