DIG investiga invasão no zoológico para rituais macabros com animais

A equipe da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) está investigando possíveis rituais macabros que têm ocorrido dentro do Parque Ecológico de São Carlos, provavelmente envolvendo os animais.

Funcionários do parque procuraram a polícia após encontrarem objetos suspeitos próximo ao recinto do lobo guará e do cachorro do mato durante vários dias, além de danos na cerca elétrica dos recintos.

Eram objetos feitos de forma artesanal, como uma machadinha de madeira e pedra, bastão de madeira pintado de preto, com pedaços de ossos e uma caveira vermelha, além de outros objetos que indicam a prática dos rituais, alguns deles com manchas de sangue.

No primeiro dia, além dos objetos, a cerca elétrica do recinto do lobo guará  havia sido desligada, no segundo dia a cerca havia sido cortada, já no terceiro dia a cerca desligada foi a do cachorro do mato e foram encontrados objetos do mesmo tipo próximo ao recinto.

Os objetos foram entregues à polícia e o caso está sendo investigado.

(São Carlos Agora)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *