Funcionário da Tecumseh que estava desaparecido, é encontrado morto com mãos e pés amarrados

O corpo encontrado com mãos e pés amarrados na tarde de domingo (1), em um barranco no final da estrada da Babilônia é do funcionário da Tecumseh que estava desaparecido. O reconhecimento foi feito por familiares no Instituto Médico Legal (IML).

Leizer Buchiwieser dos Santos tinha sido pela última vez por volta das 13h30 da última terça-feira (27) saindo da empresa.

No corpo havia marcas de tiros e Leizer tinha a própria camisa amarrada no rosto.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

(São Carlos Agora)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *