Governador João Dória visita Ibaté e participa do sorteio das 286 casas populares

Atendendo ao convite do prefeito José Luiz Parella (PSDB), o governador 
do Estado de São Paulo, João Dória, visita a cidade de Ibaté na próxima 
terça-feira, 20, às 14h30, para realizar o sorteio de 286 unidades 
habitacionais construídas pela CDHU (Companhia de Desenvolvimento 
Habitacional e Urbano).

O empreendimento habitacional “IBATÉ-B2”, conhecido também como a 
segunda fase do “Conjunto Habitacional Antônio Moreira”, está localizado 
na avenida Santa Rufina, ao lado do Grêmio Recreativo e Esportivo Ibaté 
(Grei), com área útil de 45,28 m, sendo 02 quartos, sala, cozinha e 
banheiro.

O prefeito José Luiz Parella (PSDB) conta que após anos e anos lutando 
para que essas casas populares fossem construídas, desde a aquisição da 
área, finalmente, chegou um dos momentos mais esperados pela população. 
“Todo mundo sabe da briga que tivemos, desde a aquisição do terreno 
junto à Raízen [Usina Cosan naquela época], pois a Municipalidade não 
possuía terreno público para construirmos as casas. Com muita luta e 
sacrifício, adquirimos a área e doamos ao Governo do Estado. Depois foi 
mais uma briga para iniciar as obras, as quais começaram e pararam, 
enfim, demorou bastante. Foram seis anos para que a primeira fase fosse 
entregue para nossa população”, lembrou.

Zé Parrella lembra que nessa segunda fase também teve que se dispor para 
que as obras fossem iniciadas. “Foi mais uma luta. Até que em fevereiro 
de 2018, o ex-governador Geraldo Alckmin autorizou o início das obras”, 
lembrou. “Foram anos de idas e vindas, de muito desgaste, porém, graças 
a DEUS, chegou o momento do sorteio dessas casas”, completou o prefeito.

O prefeito conta que é motivo de grande orgulho receber a visita do novo 
governador do estado. “Para Ibaté, é um prazer saber que o nosso 
governador  Dória, aceitou nosso convite e estará no sorteio das casas. 
É a primeira vez que ele visita a nossa cidade e vamos recepcioná-lo da 
melhor maneira possível e, claro, aproveitar a sua visita para 
solicitarmos a autorização do início das obras do Fórum Judiciário, o 
qual já doamos o terreno para Estado. Quem sabe ele não anuncia essa 
grande obra para nossa cidade?”, disse.

Destinação das 286 unidades

As unidades serão distribuídas entre os inscritos obedecendo aos 
seguintes critérios: a) 21 moradias destinadas ao atendimento de 
famílias com pessoas com deficiências graves e/ou irreversíveis; b) 15 
moradias destinadas ao atendimento de pessoa idosa (60 anos completos ou 
mais), na condição de titular do benefício habitacional, conforme 
critérios adotados na política estadual de habitação de interesse 
social; c) 12 moradias destinadas ao atendimento de policiais civis, 
policiais militares, agentes de segurança penitenciária e agentes de 
escolta e vigilância penitenciária, conforme legislação vigente; d) 3% 
(três por cento) da quantidade final de inscritos na condição de 
indivíduos sós, destinada para este grupo, limitada a, no máximo, 3% 
(três por cento) do número total de moradias deste Empreendimento; e) As 
demais moradias serão destinadas ao atendimento da Demanda Geral. O 
prazo máximo de financiamento é de 30 (trinta) anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *